sábado, 16 de junho de 2012

"Andar com fé eu vou..."

Nada não. Se avexe não!

O "jornau" carioca tropeçou e caiu numa arapuca. Explico: em 07/06/2012, Mônica Bergamo, na FSP, publica um texto com o sugestivo título "Cabo eleitoral - É Dilma Rousseff, e não Lula, o personagem que preocupa a campanha de José Serra (PSDB-SP) em SP. Na análise da equipe tucana, o ex-presidente pode levar seu candidato, Fernando Haddad, a um patamar de até 40% dos votos. Mas tem teto na cidade, onde nunca venceu eleição. Já Dilma poderia fazer a diferença na classe média"

Logo, o JN ao divulgar com estardalhaço que "os beneficiários do Bolsa Família não buscam emprego formal" massageou o ego, a ira dos maiores críticos dos programas de distribuição de renda - aqueles audiência cativa do plim-plim e leitores do prestigiadíssimo semanário nacional, inconsoláveis com a prisão d...


Quem divulgou o estudo?
A equipe da JK de saias.
Segundo a M. Bergamo, na FSP de 07/06/2012, para quem ela enviou essa mensagem?
O quê “ela disse, subliminarmente, com essa mensagem”? "Não vou permitir que um tucano volte ao poder".


A partir de leitura de texto em: 
http://www.conversaafiada.com.br/brasil/2012/06/16/bolsa-familia-a-globo-tem-um-problema-com-os-pobres/ Acesso: 16/06/2012

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Um texto é sempre inconcluso.